quarta-feira, 20 de abril de 2011

Dorayaki

É um doce muito popular no Japão e come-se desde o século XVII (Período Edo). Originalmente este doce apenas tinha uma base arredondada, mas em 1914 foi inventada a sua forma actual por Ueno Usagiya. Hoje em dia, o Dorayaki tem a forma de duas panquecas (ou crepes) como os pasteis feitos de Kasutera e são recheados com anko (feijão azuki doce).


A palavra DORA diz-se que provém da palavra “gongo” por causa da sua forma arredondada.

Na zona de Kansai, tais como Osaka e Nara, este doce é muitas vezes chamado Mikasa. A palavra significa originalmente triplo palha chapéu, mas também um nome alternativo do Monte Wakakusa, uma colina com suave encosta localizada em Nara. Muitos locais imaginam a forma desta colina enquanto comem um Mikasa. Em Nara, as Mikasa mais famosas costumam ter cerca de 30 cm de diâmetro.

O gato robot cósmico “Doraemon” é provalmente o maior e mais conhecido apreciador desta iguaria japonesa. Esta fama levou a que uma empresa japonesa, criasse uma versão limitada do dorayaki, a que chamou de DORAEMON Dorayaki e que é apenas vendido exclusivamente entre os meses de Março e Setembro. O Dorayaki, é vendido em qualquer combini (nome dado às lojas de conveniência no Japão) e custa aproximadamente 130 ienes (o equivalente a 0,75 €).


Visto ser um doce relativamente fácil de fazer deixamos aqui a receita para os que gostam de se aventurar pela cozinha…


INGREDIENTES:

150g Farinha de Trigo
2 colheres de chá de Fermento em pó
3 Ovos
08g de Açúcar
100 cc de Leite
1 colher de chá Mirin
1 colher de chá Shoyu
250g de Anko (Feijao azuki doce)

PREPARAÇÃO:

1. Peneire a farinha e o fermento em pó juntos.
2. Bata os ovos e adicione acucar, leite, mirin e shoyu. Misture bem.
3. Misture os todos os ingredientes dos itens 1 e 2 até que se tenha uma massa homogênea.
4. Aqueça a frigideira e coloque o oleo. Coloque a massa quantidade de uma colher de concha na frigideira.e faça uma pequena panqueca com cerca de 4 centímetros de diâmetro. (Não toque a massa até aparecer “espumas” na superficie da massa. Após aparecer as “espumas”, vire a massa)
5. Arrefeça as panquecas.
6. Molde o feijão azuki doce de forma a que ocupe aproximadamente a superfície da massa e coloque-a entre elas.

Ittadakimasu!!!!



(Artigo de Fernando Ferreira (clubotaku) )

2 comentários:

  1. Bem... agora tens um blog de culinária?????
    :D
    ahahhahaha

    Abraço!

    ResponderEliminar

Ekos

 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons